Aécio Neves: de senador a peão

Houve quem zombou de Aécio dizendo que, antes mesmo do STF tomar uma decisão e sabendo da alta probabilidade de virar investigado, ele já estava se preparando para exigir uma recontagem de votos. Mas a real é que Aécio não é tão ruim assim em aceitar fatos. O que não quer dizer que seja insensível. Muito menos que não esteja desabando a chorar.

Não é preciso ser petista para querer vê-lo como peão no xadrez. Nessa hora, quem não pede a extinção da CLT, não? Inclusive a da Constituição. Porque se algum tipo de direito e benefício deve ser válido a Aécio Neves, é somente o de não poder ficar mais tempo do que a lei do inferno estipula para sessões de tortura.

Mas a nossa sorte é que somos um Estado de Direito. De Direito e Democrático. Entendemos e tentamos seguir cada dia mais a imprescindível Declaração dos Direitos Humanos. TV a cabo, cama e banheiro, boa comida e limpeza, tudo para que o senador possa ter condições de aproveitar o ‘’pensar nos seus crimes’’.

Então por que tanto choro assim, Aécio? Ninguém vai te fazer de peão de tabuleiro. Nem Rainha…. Muito menos cavalo! Talvez porque, se condenado, ele pague em dobro: perca as suas duas carreiras.

IBM

Isaias Bispo de Miranda é violoncelista com formação na Escola de Música do Estado de São Paulo (EMESP). Graduando do bacharelado em Ciências e Humanidades e do bacharelado em filosofia, ambos na Universidade Federal do ABC (UFABC), estuda a obra do filósofo alemão Peter Sloterdijk pelo Centro de Estudos em Filosofia Americana (CEFA), onde também é membro.

Gostou? Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *