O medíocre glorioso

Então você adora um político. Acredita que ele tem poderes maiores para fazer o que você queria que fosse feito. Ele está no palco, é uma marca, e você o veste, faz dele a sua identidade.

O sentido das coisas está nessa marca-identidade-discurso. Ele fala “a real”, e tem coragem de intervir. Os outros são falsos e covardes. Aqueles que falam muito, e ficam mandando ideia, querem te confundir. O mundo é o que o ídolo mostra, e só ele tem o poder de agir.

No livro Sabedoria, do Antigo Testamento, diz-se que a Sabedoria de Deus criou o mar bravio, criou o homem, as árvores, e também a sabedoria deste em transformar a madeira em barco. E a Sabedoria permite ao homem atravessar as violentas vagas. O homem está cercado por aquele que o criou, a origem dele o acompanha.

O criador deu ao homem a vida, para ser vivida nesse ambiente em que a Sabedoria opera. Mas o homem deu de criar ídolos: com as sobras da madeira, fez um boneco. Prendeu o boneco no barco e passou a acreditar que o morto era vivo, e lhe faria viajar bem. Para os olhos secos do homem, o boneco brilhava.

O boneco era vivo para controlar o andamento das coisas. O homem acreditava que a vida que ele tinha se encerrava nele mesmo, e quis passá-la adiante, para um procurador, um “representante”. O boneco, lógico, não recusou o investimento, e passou a realmente agir como se vivo fosse. Ele sabia que aquele homem era mais morto do que ele.

A Sabedoria não estava mais ali. O homem se fiou no seu saber, deu de ombros para a própria ignorância. Na ação sobre o mundo criado por eles, o ídolo e o homem dão as mãos para ações de tudo ou nada, e de agora ou nunca. São missões suicidas, porque de antemão isentas de vida (o idólatra abandonou a vida). Eles podem cair, outros podem cair, todos podem cair.

Todos podem ser mortos, ridicularizados. Não há exatamente nenhum ponto de vista defendido, nisso. O que há é o lançar-se à morte, mas, diferente de Aquiles, com o objetivo de ser um medíocre glorioso.

O medíocre acredita que o mundo realmente tem a sua estatura.

Gostou? Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *