‘Your ass is you’… ou: tenho bunda, logo existo

Não vou dizer nada. Apenas assista ao vídeo, filosoficamente (e não como um jegue), e diga o que achou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *